BRASIL

03/01/2013 -- 10:58

Lei que garante FGTS para empregada doméstica depende de aprovação no Senado

A proposta que amplia os direitos dos empregados domésticos vai valer tanto para os novos contratos quanto para os que já estão em vigor.

A lei torna obrigatórios ítens como o pagamento adicional noturno, as horas extras, o fundo de garantia por tempo de serviço e a jornada máxima de trabalho.

As regras também beneficiam os profissionais que atuam como jardineiros, motoristas ou babás.

A proposta já foi aprovada em dois turnos na Câmara dos Deputados, em Brasília, mas ainda precisa passar pelo Senado.

Alguns direitos, como o pagamento de horas extras, entram em vigor assim que o texto for aprovado.

Outros, como adicional noturno e seguro-desemprego, dependem de regulamentação.

Radio 2
Leia também!
Prazo para o licenciamento de veículos com placa final 0 entra na reta final
Empresas com mais de 100 empregados podem ter que dar bolsas de estudo aos funcionários
Projeto de lei que tramita no Senado garante direitos para amante
Serial killer preso no RJ confessa ter assassinado 41 pessoas
Juro do cartão de crédito atinge maior patamar dos últimos 14 anos
Ministério das Cidades apresenta novos modelos de CNH e documentos veiculares
» Veja a lista completa
Home Tupacity

Notícias

Notícias
Brasil
Destaque
Esporte
Região

Destaques

Eleições 2012
Blog
Charge
Comportamento
Petemfoco
Colunistas
VC Repórter
Classificados
Promoções
Fale Conosco
Quem Somos
Sua Conta
Expediente
Newsletter
Política de Privacidade
Acesse a versão clássica
Redecity. © 2014
Google Twitter Whatsapp Facebook